quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Mulheres homenageadas em exposição


Irá estar em exibição, de 1 a 29 de março, nos Paços do Concelho, a exposição de escultura “Arte do Telho”, da autoria de Carlos Manuel Pinto, natural de Bendada, no Sabugal.
Esta mostra é uma homenagem a todas as mulheres e pretende assinalar o Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 de março.
Os interessados poderão visitar, em horário laboral, as 22 esculturas, em pedra e ferro, disponíveis para apreciação e compra.

In jornal "Povo da Beira"

Penamacor: Lar Dona Bárbara quer ter direito da quinta

O ministro da Segurança Social visitou os cuidados continuados. Foto José Furtado/ Reconquista

A obtenção do direito de superfície é pedida para avançar com candidaturas para a remodelação do atual lar situado próximo do santuário.


Autor: José Furtado in jornal "A Reconquista"

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

TARDE DESPORTIVA

Rádio Cova da Beira

Na tarde deste domingo o Sp.Covilhã conquistou um precioso ponto na Madeira, para a 2ª liga, o Benfica e C.Branco goleou em casa, o Oleiros conquistou os 3 pontos ao Sernache e o Sertanense não evitou a derrota em Leiria, para o Campeonato de Portugal. No distrital o Águias do Moradal está mais primeiro.


U. MADEIRA 1-1 SP. COVILHÃ

25' 0-1 Chaby. Na cobrança de um livre directo Chaby fez a bola passar por cima da barreira e abriu o activo com um bonito golo.

38' 1-1 Henrique. Lance infeliz de Diarrá, que amorteceu para o remate de Henrique.

O Sporting da Covilhã fez um bom jogo na Madeira, num terreno sempre muito complicado para os adversários que visitam a Ribeira Brava, conquistando um precioso ponto para as contas finais do campeonato. Os serranos estiveram sempre com o controlo do jogo, conseguiram adiantar-se no marcador através da execução perfeita de Chaby na cobrança de um livre , mas depois, uma desatenção de Diarrá, permitiu que o União chegasse à igualdade. Tendo em conta a forma como os madeirenses chegaram à igualdade, pode ter ficado um sabor amargo no final do jogo, contudo, pelo que as duas equipas fizeram o empate é aceitável.

Com este empate os serranos estão na 11ª posição da geral e têm um jogo a menos, que vão jogar já na próxima 4ª feira, pelas 15 horas, no Santos Pinto, com o Portimonense.


U. LEIRIA 2-1 SERTANENSE
17' 1-0 Ernest
45' 1-1 Angola g/p
48' 2-1 Ernest 

O Sertanense fez um jogo muito assertivo do ponto de vista estratégico, mas a finalização deixou muito a desejar. Com esta derrota o clube caiu para o 4º posto e ficou já a 6 pontos do Leiria e a 3 de Benfica C.Branco e Sp.Ideal. 
Na próxima jornada jogam as duas equipas do distrito, Sertanense Benfica C.Branco. 

BENFICA C. BRANCO 7-1 GINÁSIO ALCOBAÇA
7' 1-0 Adriano Castanheira
14' 2-0 Dani Matos
18' 3-0 Pedro Almeida
22' 4-0 Rubén Nogueira
31' 5-0 Pedro Almeida
40' 6-0 João Ventura g/p
59' 6-1 Miguel Jacinto
80' 7-1 Adriano Castanheira 

O resultado verificado é bem elucidativo da diferença de valor dos dois conjuntos. Os albicastrenses entraram muito fortes na partida e, por isso, aos 32 minutos já venciam, por 5-0. Ao intervalo a vantagem passou a ser de 6-0. Naturalmente, com meia dúzia de golos obtidos na primeira parte, era natural que na segunda parte  baixassem a intensidade de jogo, passando a controlar e gerir o resultado.  
Na próxima jornada om Benfica joga na Sertã, um jogo de grande importância para os dois conjuntos do distrito reveste-se de muita.  


V. SERNACHE 1-2 OLEIROS
17' 0-1 Jackson
35' 1-1 Vítor Pestana
90' 1-2 Marco Farinha

Neste confronto entre clubes do mesmo distrito, o Oleiros impôs-se, conseguindo averbar o segundo triunfo nesta fase de manutenção, deixando o Vitória em maus lençóis. A equipa de Oleiros subiu ao 3º posto da geral enquanto que o Sernache manteve o 6º lugar, o tal que só qualifica os melhores de todas as séries.
Na próxima jornada o Oleiros vai receber a formação do Mafra e o Vitória vai jogar nas Caldas da Rainha.


ÁGUIAS MORADAL 3-1 BELMONTE
15' 1-0 Quim
23' 2-0 Fábio Mariano
71' 2-1 Fábio Mendes
74' 3-1 Taborda

IDANHENSE 3-0 IPCB
1' 1-0 Vasco André
28' 2-0 Vasco André
87' 3-0 Tiago Barata 

C.AC.FUNDÃO 2-3 PROENÇA
 4' 1-0 Pina
11' 1-1 Nuno Alves
45+3 1-2 Bruno
88' 1-3 Nuno Alves
90' 2-3 Amarelo 

A.D.ESTAÇÃO 2-1 PEDRÓGÃO
26' 1-0 João Lourenço
75' 1-1 James
82' 2-1 João Paulo Silva

ATALAIA DO CAMPO 5-2 V.V.RÓDÃO 
15 1-0 Tiago Felizardo
41' 2-0 Velho
45' 3-0 Velho
60' 4-0 Tiago Felizardo
61' 4-1 Esteves
85' 5-1 Velho g/p
90+2 5-2 Auto-golo de Bruno 

Na jornada deste domingo o Distrital de castelo Branco marcaram-se 22 golos o que dá uma média superior a 4 por jogo, O Águias do Moradal, que passou a ter 9 pontos de vantagem sobre o segundo, que é agora o Idanhense, caminha tranquilo para o título, revelando-se uma equipa muito acima de todas as restantes que disputam este campeonato. Na partida deste domingo, venceu o Belmonte, por 3-1. O Idanhense subiu segundo lugar do pódio, depois do triunfo que obteve em casa com o IPCB e mercê do descanso do Alcains.  A Atalaia do Campo mostrou no jogo desta jornada uma grande veia goleadora, vencendo a formação de Vila Velha de Ródão por números muito concludentes. Com esse triunfo a equipa de Sérgio Duarte subiu ao 4º posto. No municipal do Fundão a equipa de Proença deu a volta ao jogo e venceu o CAF com justiça. A ADE impôs-se ao Pedrógão em termos de resultado mas o equipa do concelho de Penamacor jogou mais e não merecia ter deixado os três pontos na Covilhã.

O campeonato distrital vai sofrer nova paragem para que se joguem as partidas da 1ª mão das 1/2 finais da Taça de Honra José Farromba: Atalaia do Campo - Alcains e Águias Moradal - Idanhense. O campeonato regressa a 5 de Março com os jogos: Belmonte-Idanhense, IPCB - CAF, Proença - ADE, Pedrógão - Atalaia do Campo e V.V.Ródão - Alcains. Vai folgar p líder do campeonato.

FUTSAL

No campeonato nacional da 2ª divisão série C o Cariense foi vencer a casa do Ossela, por 5-3 e manteve o 4º posto da tabela geral, com 28 pontos. Está a 2 pontos do ABC de Nelas, que é 3º, mas não é previsível que na última jornada da 1ª fase a equipa de Caria possa ultrapassar este adversário visto a formação de Nelas ir jogar a casa do Último, Casal de Cinza. O Cariense recebe o Domus Nostra.  No mesmo campeonato mas série D os dois clubes do distrito encontraram-se em Castelo Branco e a Boa Esperança goleou o Ladoeiro, por claros 6-0, afundando ainda mais a equipa do concelho da Idanha.  Com esta vitória a formação albicastrense subiu ao 6º posto da geral, com 21 pontos enquanto que o Ladoeiro é último com 10. Na próxima jornada o Ladoeiro recebe Os Patos e a Boa Esperança joga em casa do Amarense.

No campeonato nacional de juvenis o Grupo Desportivo da Mata venceu em casa do Bairro Miranda, por 6-2, mas as contas da manutenção estão muito complicadas. Na próxima jornada os covilhanenses voltam a jogar fora, com a Escola D.João I.

No campeonato nacional de juniores a Associação Desportiva somou a terceira vitória consecutiva e passou para a frente da classificação da zona sul, fase de manutenção. Os jovens comandados por Dário Gaspar têm revelado uma enorme evolução, (no último jogo da equipa de séniores para o campeonato nacional da 1ª divisão, foram convocados dois desses jogadores, o que prova o seu real valor)  mas têm que continuar a trabalhar/jogar, como o têm feito desde que se iniciou esta última fase do campeonato, para que a manutenção seja uma realidade.

No distrital de seniores masculinos a luta continua entre Casa do Benfica de Oleiros e Retaxo, com as duas equipas separadas por apenas um ponto. Nesta jornada ambas venceram, o Retaxo em Penamacor, por 12-2 a ADEP e a Casa do Benfica de Oleiros em Alcaria, por 5-2.

No distrital de seniores femininos, Valverde foi a Proença já com o estatuto de campeã vencer o Núcleo de Juventude, por 11-0. No outro jogo a equipa da ADEP foi a Cernache do Bom Jardim jogar com o Vitória, que só se apresentou no seu Pavilhão com três atletas. Quando o resultado chegou a 3-0 para as jovens de Penamacor a partida terminou.

Autor: José Joaquim Ribeiro in "Rádio Cova da Beira"

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

NOVO MODELO DE CEDÊNCIA EM ANÁLISE

Rádio Cova da Beira

O presidente da direcção do lar D. Bárbara Tavares da Silva lançou um repto ao ministro da solidariedade social para que seja cedida à instituição o direito de superfície da quinta da Senhora do Incenso onde está a funcionar a unidade de cuidados continuados e uma estrutura residencial para idosos com capacidade para 24 pessoas.

De acordo com Domingos Torrão esse passo é determinante para que o lar possa avançar com alguns projectos de requalificação e expansão que estão previstos para aquele espaço “estamos a desencadear o procedimento para efeitos de direito de superfície sobre esta quinta, que foi doada pelo Dr. Adelino Galhardo, e onde no testamento está uma cláusula que proíbe a sua alienação. Aquilo que sabemos é que é propriedade do instituto da segurança social mas com todos os investimentos que temos feito neste espaço e para onde temos mais projectos nós necessitamos do direito de superfície com o objectivo de avançar com candidaturas. Essa situação ia dar-nos mais garantias que o contrato de comodato que temos actualmente e que não nos satisfaz”.
A requalificação da estrutura residencial para idosos que funciona nesta quinta e o aumento da sua capacidade é um dos projectos que está em cima da mesa. Domingos Torrão refere que “neste momento temos aqui 27 utentes mas já há um parecer da segurança social que nos permite chegar aos 50; por isso pretendemos avançar com esta remodelação mas naturalmente que isso também está dependente das taxas de financiamento. Aquilo que estamos a pensar é avançar com a requalificação de algumas instalações que aqui temos, na continuidade da unidade de cuidados continuados, e podemos ter uma capacidade de resposta para pessoas com poder de compra e que gostariam de estar próximos a este tipo de cuidados”.
Actualmente a quinta da Senhora do Incenso está cedida ao Lar D. Bárbara Tavares da Silva através de um contrato de comodato. De visita esta manhã à unidade de cuidados continuados o ministro da solidariedade admite que já estão a ser dados passos no sentido de encontrar uma nova fórmula que não seja um entrave ao desenvolvimento de novos projectos “estes terrenos não podem ser alienados pelo estado mas há condições para criar outros modelos para a sua utilização por parte de parceiros sociais, que já foi seguida noutros casos, e que podem ser mais sólidas que um contrato de comodato. É um assunto que está a ser tratado pelos serviços mas que eu julgo que é possível de concretizar”.

Autor: Nuno Miguel in "Rádio Cova da Beira"

POSIÇÃO DA QUERCUS É “ABSURDA” E “FORA DE TEMPO”

Rádio Cova da Beira

Presidente da câmara de Penamacor classifica de absurda e fora de tempo a posição da Quercus que no passado dia 8 emitiu novo comunicado exigindo a revogação da portaria que coloca um ponto final à proibição da caça na Reserva Natural da Serra da Malcata. O assunto foi levado à reunião pública do executivo esta manhã pelo vereador da coligação “Juntos por Penamacor”.

Pedro Folgado estranha o comunicado da Quercus depois da reunião entre o presidente da autarquia e o responsável distrital da associação ambientalista onde tudo teria ficado alegadamente esclarecido “qual não é o meu espanto quando no passado dia 8 de Fevereiro sai um comunicado da Quercus novamente a exigir ao governo a revogação da portaria que revoga a proibição da caça na Malcata, tem alguma ideia do que sucedeu para levar a esta aparente inversão de posição da Quercus? Se calhar mais vale adiantarmo-nos neste processo e não ficarmos à espera que haja aqui uma surpresa desagradável”.
António Beites confirma que na reunião com o responsável distrital ficou tudo esclarecido lamentando a posição da Quercus que considera absurda e fora de tempo. O autarca vai agendar nova reunião desta vez com os responsáveis nacionais da associação ambientalista “não podemos aceitar divergentes posições devido a um alegado desconhecimento do plano cinegético que pretendemos implementar, conjugado com uma candidatura já aprovada ao Linx 2020 que visa a reintrodução do lince ibérico na Malcata, fico completamente estupefacto por essa associação tomar essa posição que considero absurda, fora de tempo, se querem explicações sobre a questão deviam ter tido a hombridade de falar connosco e mais uma vez não tiveram, só tenho que lamentar essa atitude”.
O presidente da câmara de Penamacor vai pedir, com urgência, uma reunião com os responsáveis da Quercus, a nível nacional, onde pretende repetir os argumentos das vantagens da actividade cinegética na reintrodução do lince na Serra da Malcata.

Autora: Paula Brito in "Rádio Cova da Beira"

PENAMACOR REVÊ CARTA EDUCATIVA

Rádio Cova da Beira

Câmara municipal de Penamacor aprovou por unanimidade a revisão da carta educativa do concelho, aprovada em 2007. Não sendo novidade a diminuição do número de alunos, nos últimos anos tem havido uma "estabilização" do número de estudantes. Actualmente são cerca de 400, do primeiro ciclo até ao ensino secundário.

“É um número ainda muito razoável e considerável, gostaríamos muito de o manter nos próximos anos, não vai ser fácil, até pelo decréscimo da população, no entanto tem havido uma estabilização nos nascimentos nos últimos três anos”.
Segundo o presidente da câmara de Penamacor vai colocar no terreno um plano de promoção do sucesso escolar, no âmbito de uma candidatura conjunta apresentada pelos municípios da CIM da Beira Baixa. No caso de Penamacor são 400 mil euros para promover o sucesso escolar nos próximos três anos no concelho com iniciativas de carácter imaterial, não estando prevista qualquer obra física nas escolas.
Sobre a carta educativa, Pedro Folgado, da bancada da coligação Juntos por Penamacor, elogiou a elaboração do documento e deixou duas propostas “a primeira era reforçar a componente prospectiva do documento, olhar para o futuro, face aos desafios relevantes que estão patentes no documento o que é que o município pode fazer para contrariar esta tendência, a segunda é que Penamacor é um dos concelhos mais envelhecidos do país e eu não vi nesta carta nenhuma referência a algo relacionado com a educação para adultos ou com o reforço das taxas de alfabetização”.
Sobre o ensino de adultos aguardam-se ainda as directrizes do ministério da educação sobre o tema, explicou a vereadora com o pelouro, Ilidia Cruchinho. Quanto à carta educativa será remetida à assembleia municipal que se realiza no próximo dia 24.

Autora: Paula Brito in "Rádio Cova da Beira"

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Penamacor: Bombeiros agradecem a Pina Ferraz

A benemérita ofereceu os primeiros carros e as primeiras ambulâncias aos bombeiros de Penamacor que fazem agora 79 anos.

Porfírio Saraiva (à esq.) com o presidente da Câmara Municipal de Penamacor e o administrador do Instituto Pina Ferraz. Foto AHBVP


A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Penamacor assinalou os 79 anos de existência com uma homenagem a Carlota Pina Ferraz, que em 1952 fundou o instituto com o nome da família.
A direção decidiu dar o seu nome à sala de reuniões da direção, onde se encontra um retrato da benemérita.
“Nós temos uma relação muito grande com o Instituto Pina Ferraz e viemos a saber, embora não haja atas, que os primeiros carros e as primeiras ambulâncias foram dados pela dona Carlota Pina Ferraz”, diz Porfírio Saraiva.
O presidente da direção dos bombeiros penamacorenses diz que o instituto “ainda hoje apoia os bombeiros sempre que é necessário, seja monetariamente ou com outro tipo de ajuda”, dando como exemplo uma das edições da caminhada solidária que destinou toda a receita para os bombeiros.
A um ano de celebrar 80 de vida a associação humanitária continua a sonhar com a ampliação das instalações, que possa permitir a criação de mais espaço para albergar as viaturas.
O projeto apresentando a fundos comunitários não chegou a bom porto e a direção aguarda uma nova oportunidade para o fazer, sabendo desde já que terá de reformular a proposta para incluir salas de formação informatizada.
Nas viaturas as necessidades têm sido resolvidas, embora haja veículos com muitos quilómetros.
No final deste mês os bombeiros vão receber uma nova ambulância adquirida graças a uma angariação de fundos promovida pela comissão de festas da aldeia do Meimão.
Esta comissão angariou cerca de 20 mil euros, com a câmara municipal a entrar com semelhante verba.
Em dezembro já tinham recebido uma viatura de transporte de doentes doada por Otília Telo, de Aranhas.
A câmara municipal também adquiriu um espalhador de sal que colocou à disposição dos bombeiros, para menorizar os efeitos do gelo nas estradas para as freguesias de Benquerença e Salvador.
A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Penamacor foi fundada a 24 de janeiro mas comemorou o aniversário no domingo, dia 29, também com a atribuição de medalhas aos bombeiros.

Autor: José Furtado in jornal "A Reconquista"

Penamacor: Ibersaco cresce com investimento de 2,5 milhões

A produtora de embalagens quer deixar de estar dependente das importações de matéria-prima e alargar a oferta de produtos.

O novo pavilhão está a ganhar forma. Foto José Furtado/ Reconquista

Autor: José Furtado in jornal "A Reconquista"

MINISTRO DA SOLIDARIEDADE VISITA O DISTRITO

Rádio Cova da Beira

Vieira da Silva vai estar, na próxima quinta-feira, nos concelhos de Penamacor e Castelo Branco. O périplo arranca em Vale da Senhora da Póvoa onde o governante vai inaugurar a residência sénior “Póvoasol”.

Este equipamento é o primeiro lar a funcionar fora da sede do concelho de Penamacor e celebrou recentemente um conjunto de acordos com a segurança social e que permitiu assegurar comparticipação para 16 das 20 camas disponíveis.
Ainda em Penamacor, Vieira da Silva vai ainda visitar a unidade de cuidados continuados do lar D. Bárbara Tavares da Silva. Em Castelo Branco o ministro da solidariedade social vai participar nas comemorações dos 503 anos da santa casa da misericórdia albicastrense, que vão ficar marcadas pela inauguração da quita da dança estival e pela requalificação de dois centros infantis da instituição.

Autor: Nuno Miguel in "Rádio Cova da Beira"

TARDE DESPORTIVA

Rádio Cova da Beira

No campeonato de Portugal só o Oleiros esteve bem ao vencer nesta 1ª jornada de manutenção. O Benfica e C.Branco não conseguiu melhor que um empate em Gafete, o mesmo se pode dizer do V.Sernache e Sertanense, com este a ceder a igualdade em sua casa. No distrital as três equipas que estão nos primeiros lugares venceram, mantendo tudo igual na tabela geral, com o Águias do Moradal na liderança.


SERTANENSE 0-0 LUSITÂNIA

O Sertanense foi melhor que o seu adversário mas não conseguiu traduzir a superioridade do jogo jogado em golos. Para cúmulo, já em período de descontos, teve uma grande penalidade a seu favor, mas o marcador do castigo máximo, provavelmente, desconcentrado ou demasiado ansioso, rematou por cima. Nem na baliza conseguiu acertar. 

O Sertanense soma agora 9 pontos, ocupa o 4º posto. Na próxima jornada vai jogar em Leiria com o União.

GAFETENSE 2-2 BENFICA C. BRANCO

22' 1-0 Ivo Braz.  O Benfica desperdiçou uma grande ocasião, com a bola a bater no poste e a ressaltar para as mãos do guarda-redes do Gafetense, este repôs de mediato a bola em jogo e a equipa da casa chega à vantagem, num golo algo consentido pela defensiva albicastrense.

33' 1-1 João Ventura. Cruzamento da esquerda, o guardião não segurou, a bola sobrou para João Ventura que rematou de pronto, para o empate.

39' 1-2 Dani Matos. Adriano jogou na direita, colocou em André Chunha no bico da área, cedeu para Dani Matos que rematou para o segundo dos albicastrenses.

51' 2-2 Ivo Braz

O Benfica e C.Branco não fez uma grande exibição, contudo, o que fez chegava e seria de todo merecido ter conquistado os três pontos. Os golos que sofreu resultam de falhas defensivas que penalizam muito a equipa, mas os encarnados, que conseguiu dar a volta ao resultado, chegaram a marcar um terceiro golo que o árbitro anulou, por Benny, não havendo, pelo que foi possível ver, motivo para que tal tivesse acontecido. Independentemente deste facto a equipa tem que passar a render mais e ser mais consistente em termos defensivos.

Após esta primeira ronda o Benfica e C.Branco soma 9 pontos, ocupa a 3ª posição, tem a companhia do Sertanense e está a 3 do líder, Leiria e a 2 do Sp. Ideal que está em segundo.Na próxima jornada recebem o Ginásio de Alcobaça.


OLEIROS 4-1 NAVAL
32' 0-1 Samba
45' 1-1 Lelé
69' 2-1 Marco Farinha
78' 3-1 Lelé
82' 4-1 Marco Farinha g/p

Era expectável que o Oleiros se impusesse à Naval, mas a equipa da Figueira da Foz ainda criou alguma ansiedade quando chegou à vantagem no marcador. Com naturalidade, a equipa de Paulo Machado impôs-se e venceu bem, por números convincentes.

O Oleiros subiu ao 4º posto da série F, com 7 pontos e na próxima jornada vai jogar em Cernache do Bom Jardim, com o Vitória.

CARAPINHEIRENSE 1-1 V. SERNACHE
75' 1-0 Bento Cortesão g/p
90+3 1-1 João Henrique

Foi já em período de descontos que o Vitória evitou males maiores. Conseguiu um empate que pode ser importante para as contas da manutenção, contudo, terá que fazer mais do que tem feito até aqui. 

O Sernache ocupa a 6ª posição, com 5 pontos e na próxima jornada recebe o Oleiros.


IPCB 0-4 ÁGUIAS MORADAL
30' 0-1 Vijai
75' 0-2 Diego
79' 0-3 Vijai
87' 0-4 Fábio Mariano

PROENÇA 1-2 IDANHENSE
2' 1-0 ????
19' 1-1 Tiago Barata
74' 1-2 Vasco André 

PEDRÓGÃO 0-0 C.AC.FUNDÃO

V.V.RÓDÃO 3-1 A.D. ESTAÇÃO
25' 1-0 Francisco
35' 2-0 Zé Tó
75' 3-0 Esteves
90' 3-1 Alex 

ALCAINS 5-2 ATALAIA DO CAMPO
3' 1-0 Fábio Brito
5' 2-0 Fábio Sousa
18' 2-1 Oleh. Auto golo, depois de um livre batido por Velho.
34' 3-1 Yero
43' 3-2 Velho
50' 4-2 Yero
86' 5-2 Yero

Tudo igual. O Distrital de Castelo Branco desta época tem uma equipa que se destaca de todas as restantes, a equipa do Estreito, que tem 7 pontos de vantagem e que pode aumentar esse pecúlio na próxima jornada, tem duas equipas que lutam pelo 2ª posto, Alcains (33) e Idanhense (31) e depois, a uma distância muito significativa, estão Ródão (17) Atalaia do Campo, Proença e Belmonte (16), que seguem tranquilos. Como não há descidas, as restantes equipas também estão tranquilas, mas seguramente desejando fazer melhor do que tem feito até aqui. Estão neste caso o IPCB (13) e CAF, ADE e Pedrógão (10).

Nesta jornada foi natural a vitória do Águias do Moradal em Castelo Branco perante o IPCB, foi também natural o triunfo do Alcains em casa com a Atalaia do Campo e a vitória do Idanhense em Proença, não sendo tão natural, revela que existe alguma diferença de qualidade entre os clubes que seguem na frente e os restantes. Também se pode dizer que a vitória do V.V.Ródão sobre a ADE era expectável e o empate entre dois dos últimos é aceitável, apesar do CAF ter vencido recentemente em Pedrógão para a Taça de Honra.

Na próxima jornada o Águias recebe o Belmonte, o Idanhense o IPCB, o C.Ac.Fundão o Proença, a ADE o Pedrógão e a Atalaia do Campo V.V.Ródão.

F U T S A L


No campeonato nacional de Júniores - fase de manutenção, a Desportiva do Fundão recebeu na tarde deste domingo o Burinhosa e venceu, por 5-4, somando a segunda vitória seguida nesta fase.  Com estas duas vitórias a ADF soma 12 pontos, tem agora 6 pontos de vantagem sobre o Burinhosa, a outra equipa que vai lutar por um dos dois lugares que garantem a manutenção nesta competição nacional.
Na próxima jornada os fundanenses vão jogar em casa da Quinta do Lombos.


No campeonato nacional de juvenis, a fase de manutenção começou ontem e o GD Mata, que jogou em casa com um adversário direto na luta pela manutenção, e perdeu, por 6-7, desperdiçando uma boa ocasião de poder entrar nessa luta. Com esta derrota e tendo em conta que este é um mini campeonato, a equipa covilhanense disse, praticamente, adeus ao campeonato nacional. Manteve os 3 pontos com que partiu para esta fase e deixou que Os Patos ficassem com 7 ponto de vantagem.

Na próxima jornada a equipa do Grupo Desportivo da Mata joga em casa do Bairro Miranda,

CN DA 2ª DIVISÃO

No campeonato nacional da 2ª divisão, o Cariense foi ao distrito da Guarda golear o casal de Cinza, por claros 11-3, mantendo-se no 4º posto da série C, com 25 pontos.Na penúltima jornada desta primeira fase o Cariense volta a jogar fora, desta feita em casa do Ossela.

Na série D o Boa Esperança de Castelo Branco saiu goleado em Fátima, por 10-5 e está na antepenúltima posição da tabela classificativa com 18 pontos, um lugar que ninguém ousava prever no início da temporada. O Ladoeiro obteve nesta jornada a 3ª vitória no campeonato. Venceu o Amarense, por 5-3, mas mantém-se no último posto da série D. Na penúltima jornada que se realiza no próximo sábado as duas equipas do distrito vão jogar entre si, em Castelo Branco.


No distrital de Castelo Branco, a luta vai-se travando entre Casa do Benfica de Oleiros e Retaxo. As duas equipas estão separadas por um ponto e na jornada deste sábado ambas venceram, o Retaxo goleou o Carvalhal Formoso, por 8-0 e a C. Benfica de Oleiros foi a Penamacor golear a ADEP, por 7-4. No jogo no Retaxo há a lamentar a grave lesão do jogador do Carvalhal Formoso, Rúben Nunes, logo aos 4'. O atleta, considerado o jogador mais valioso do Carvalhal, fez uma ruptura total do tendão de Aquiles do pé direito, que o vai impedir de voltar a jogar futsal na presente temporada. Aliás, o tempo de paragem é de cerca de um ano. Rúben Nunes foi operado neste domingo. Espera-se que a recuperação seja total e possa regressar em pleno.


Nas senhoras o GD Valverde não dá hipóteses às adversários. Neste sábado renovou o título de campeãs distritais, depois da vitória que alcançaram sobre  o N. Sportinguista de Castelo Branco, por 7-2. Os  6 pontos de vantagem permitiram-lhes fazer a festa. Faltam duas jornada para o final, visita a Proença, para jogar com Núcleo Juventude local e recepção ao V. Sernache e, pela performance evidenciada, tudo indica que vão terminar invictas no campeonato, como aliás, já se tinha verificado na época passada.


Também o Grupo Desportivo da Mata está em festa com a conquista do titulo distrital na categoria de juniores. A equipa covilhanense venceu neste domingo o Ladoeiro, por 13-1, triunfo que permitiu que a duas jornadas do termo do campeonato distrital pudessem comemorar. 


Autor: José Joaquim Ribeiro in "Rádio Cova da Beira"

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

MUNICÍPIO MAIS TRANSPARENTE DO DISTRITO É VILA DE REI

Rádio Cova da Beira

Vila de Rei é o município mais transparente do distrito de Castelo Branco, no ranking anual da Associação Cívica Transparência e Integridade (TIAC), referente ao período anual entre 2015 e 2016. O município vilarregense ocupa a 16ª posição da lista relativa a 2016. O indicie mede a disponibilização de informação de interesse público nos sites dos 30 municípios.

Conheça a posição que os municípios do distrito de Castelo Branco ocupam no índice da Associação.

16ª - Vila de Rei

30ª - Fundão

84ª - Idanha-a-Nova

98ª - Oleiros

128ª - Vila Velha de Ródão

151ª - Sertã

171ª - Castelo Branco

202ª - Covilhã

204ª - Proença-a-Nova

279ª - Penamacor

293ª Belmonte

O ano passado, o ranking referente a 2014/2015 era o seguinte: Vila de Rei (17ª) enquanto o pior é o município de Idanha-a-Nova (301º lugar). O Fundão ocupa a segunda posição no distrito (55º lugar) seguem-se Oleiros (62º lugar), Castelo Branco (120º lugar), Vila Velha de Ródão (219º lugar), Covilhã (237º lugar), Sertã (246º lugar), Belmonte (260º lugar) e Penamacor (278º lugar).
 No distrito da Guarda, a lista é liderada pelo município do Sabugal (88) seguido de Seia (213), Gouveia (215), Pinhel (215), Manteigas (230), Guarda (252), Trancoso (254), Celorico da Beira (274), Meda (276), Figueira de Castelo Rodrigo (291) e Fornos de Algodres (305).
No distrito de Coimbra, o município de Pampilhosa da Serra ocupa o lugar 142 do ranking.
O indicie é feito pela Associação Cívica Transparência e Integridade desde 2013. A TIAC assinala o progresso feito nesta área pelas câmaras municipais.

Autor: Paulo Pinheiro in "Rádio Cova da Beira"

PENAMACOR ASSINALOU DIA MUNDIAL DA LUTA CONTRA O CANCRO

Rádio Cova da Beira

O salão polivalente da Biblioteca Municipal de Penamacor acolheu no sábado, 4 de Fevereiro, uma acção de sensibilização para a prevenção do cancro. A iniciativa, que registou boa adesão da população, foi organizada pelo grupo de voluntariado de Penamacor da Liga Portuguesa Contra o Cancro em parceria com o núcleo regional do Centro da LPCC.

Em 2016, o cancro matou 8,8 milhões de pessoas em todo o mundo. No mesmo ano, e de acordo com o Instituto Nacional de Estatística, os tumores malignos foram a causa de morte de um em cada quatro portugueses. Os cancros mais frequentes em Portugal são o colorretal, o da próstata (nos homens), o da mama (nas mulheres) e o cancro do pulmão.
Na sessão em Penamacor, Diana Gonçalves, da unidade de voluntariado do Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro) recordou que esta é uma luta que deve mobilizar toda a gente
"É uma luta que é de todos porque cada vez conhecemos mais pessoas, familiares e amigos, que têm esta doença. O Núcleo Regional do Centro da LPCC tem em cada concelho um grupo de voluntariado, em Penamacor representada pela D. Maria Amaral, voluntária há mais de 40 anos, que têm como objectivo sensibilizar a comunidade em que estão inseridos", afirma aquela responsável.
A iniciativa contou ainda com a presença Cremilda Sousa, obstetra e ginecologista, que chamou a atenção para os mitos e ideias erradas que existem acerca do que é o cancro, que é a segunda causa de morte no mundo, apenas suplantada pelas doenças cardio vasculares. A directora do serviço de obstetrícia do Hospital Sousa Martins (Guarda) destacou ainda o facto de 400 mil pessoas já sobreviveram ao cancro em Portugal, um número significativo, mas temos sempre vontade de mais", defendeu a clínica.
O Coro da Academia Sénior de Penamacor actuou no final da iniciativa. 

c/ Luís Seguro

Autor: Paulo Pinheiro in "Rádio Cova da Beira"